Telefone (11) 3875-1424 | contato@masternursing.com.br

Como o isolamento social afeta nossa saúde mental?

isolamento social

Há meses autoridades nacionais e internacionais orientam o isolamento social como forma de proteção e prevenção diante da pandemia causada pelo Coronavírus. 

Se de um lado ficar em casa faz com que estejamos mais protegidos contra o vírus, por outro, o confinamento pode trazer danos psicológicos às pessoas. 

Diante desse fato a ONU alerta às autoridades mundiais para que disponibilizem serviços de apoio para auxiliar na redução do sofrimento psicológico da população. 

Nesse post você vai saber quais são os efeitos do confinamento em nossa saúde mental e como podemos lidar com isso de modo mais saudável.

Quais são as principais consequências do isolamento social? 

De acordo com a Cartilha Saúde Mental elaborada pela Fundação Oswaldo Cruz estima-se que entre um terço e metade da população que convive com uma pandemia pode manifestar problemas psicológicos. 

A própria fundação alerta que é uma situação normal diante de momentos difíceis e considerados extremos. 

Por isso nem todos os problemas sociais e psicológicos apresentados devem ser considerados como doenças e sim como reações. 

Na maioria das vezes elas se apresentam em forma de:

  • medo de adoecer, morrer ou perder um ente querido,
  • impotência diante dos acontecimentos,
  • insegurança,
  • angústia,
  • tristeza,
  • sentimento de solidão,
  • alterações no apetite e no sono,
  • irritabilidade.

Voltamos a frisar que esses sintomas são normais diante do quadro de insegurança que estamos vivenciamos, mas que eles vêm e vão embora naturalmente.

Por isso é preciso ficar alerta para saber identificar se uma reação que é considerada normal está apresentando sintomas persistentes e sintomáticos, causando sofrimentos e dificuldades para a pessoa. 

Ao reconhecer essa realidade deve-se procurar ajuda profissional o quanto antes para cuidar de sua saúde mental e evitar quadros mais sérios. 

Como lidar com o isolamento social de forma saudável?

Conversar com um amigo ou familiar de confiança, mesmo à distância, sobre seus medos e dificuldades é um passo necessário e importante para lidar com o isolamento social.

Aproveitar o tempo para acessar conteúdos online que dão dicas sobre quarentena e saúde mental também é uma alternativa produtiva e saudável. 

Além disso, sua sanidade pode ser beneficiada com:

Exercícios físicos

A recomendação é ficar em casa, mas, isso não impede você de fazer alguma atividade física. 

Se não puder sair com segurança é possível adaptar o ambiente de casa para que atividades sejam realizadas. 

Elas ajudarão a:

  • dormir melhor, 
  • promover maior sensação de bem-estar,
  • aumentar a imunidade,
  • manter a mente ocupada.

O Yoga e a meditação ajudam bastante no equilíbrio e bem-estar e você pode praticá-las para promover sua saúde mental também durante o isolamento social.

Faça videochamadas

Precisamos e gostamos dos grupos de convivência de amigos e familiares e nesse momento de isolamento os sentimentos de solidão ou exclusão são normais. 

Mas você pode trazer as pessoas amadas para perto de você através de videochamadas ou mesmo de telefonemas. 

A tecnologia é ótima para aproximar as pessoas distantes e nos deixar mais confiantes e alegres em momentos de confinamento. 

Mantenha-se informado 

Se informar sobre a pandemia é importante, mas não fique o dia todo procurando informações, mude seu foco e busque por outros conteúdos também. 

Existem muitos materiais online que ajudam e promovem o bem-estar e o equilíbrio para enfrentar a pandemia de forma mais saudável e otimista.

Agora que você sabe como o isolamento social afeta sua saúde mental e como cuidar dela, que tal aproveitar o tempo livre e conferir dicas sobre como aumentar a imunidade para fortalecer sua proteção?


Home Care