Telefone (11) 3875-1424 | contato@masternursing.com.br

Os melhores alimentos para os idosos

Uma boa alimentação é essencial na vida de qualquer pessoa, pois trazem inúmeros benefícios à saúde, entre eles, uma expectativa de vida maior.

Pensando nisso, é importante que se considere quais alimentos devem ser consumidos e em qual quantidade, ainda mais quando estamos tratando da terceira idade.

Os idosos precisam de nutrientes que ajudem a manter seus corpos ativos e dispostos, além disso, é bom apostar em alimentos que ajudem a fortalecer o sistema imunológico e evitar doenças.

Então, quais alimentos são os mais recomendados?

  1. Alimentos ricos em ferro

Alimentos como o feijão, rúcula e carne vermelha são recomendados, pois contém ferro, o que previne a anemia e também fortalece o corpo.

Pense que o corpo dos idosos é mais frágil, e por isso necessita de nutrientes que o ajudem a fortalecer seu organismo.

  1. Frutas, verduras e legumes

Esses alimentos são ricos em fibras e vitaminas que auxiliam o corpo a obter a quantidade certa de nutrientes.

A cenoura e a laranja, por exemplo, contém vitamina C, que melhora a imunidade e diminui o estresse.

Além disso, a vitamina C também serve como antioxidante, e seus radicais livres previnem doenças como o câncer e doenças cardíacas.

  1. Cereais e fibras

Os cereais, fibras e aveias são alimentos leves e considerados “gorduras do bem”, isso porque eles desempenham uma função preventiva.

A farinha de aveia e a linhaça, por exemplo, são aliadas na hora de prevenir doenças cardiovasculares, manter os níveis de colesterol controlados e regular o funcionamento do estômago.

Quais alimentos evitar?

  1. Industrializados

Os alimentos industrializados são ricos em conservantes, gorduras, sódio e açúcares, todos componentes prejudiciais ao corpo.

Eles diminuem a absorção de nutrientes pelo organismo e dificultam o funcionamento do metabolismo, além de possuírem um valor altíssimo de calorias e, portanto, difícil de queimar.

  1. Bebidas alcóolicas

O álcool não é recomendado, primeiramente, pois pode interferir na eficácia dos possíveis medicamentos que o idoso está tomando.

Além disso, as bebidas alcóolicas possuem alto nível de calorias e colaboram para o ganho de peso, já que podem fazer o metabolismo desacelerar e trabalhar mais devagar.

O que mais colabora para a boa alimentação na terceira idade?

  • É sempre recomendável alternar os cardápios, variando os alimentos, e inclusive, colocando alimentos diferentes no mesmo prato, o que o deixa mais chamativo e também mais saudável.
  • Opte por perguntar as preferências do idoso e, se possível, leve-o ao mercado com você e deixe que ele faça parte da escolha de seus alimentos, isso além de incentivar a atividade mental, também o deixará contente.
  • Consulte um médico e/ou nutricionista e faça uma avaliação da saúde do idoso, dessa forma, os alimentos escolhidos para o cardápio serão ainda mais benéficos, pois serão pensados de acordo com as necessidades especificas do corpo.
  • Evite pular refeições, muitas vezes, o idoso pode se recusar a comer por algum motivo, se isso ocorrer, sugira um pequeno lanche, ou ainda, comer em pequenas porções, mas várias vezes ao dia.

O corpo do idoso funciona mais devagar, e para manter seus níveis normais e trabalhando tranquilamente, sem prejudicar a saúde, é de suma importância dar atenção à alimentação.

Lembre-se: incentivar a terceira idade a ter hábitos saudáveis irá colaborar para maior tempo de vida e para que eles possam aproveitar seus dias com disposição e saúde!


Home Care