Telefone (11) 3875-1424 | contato@masternursing.com.br

Dezembro Laranja: saiba mais sobre o câncer de pele e sua prevenção!

Dezembro Laranja: saiba mais sobre o câncer de pele e sua prevenção!

Dezembro Laranja é uma campanha criada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, SBD, que tem como objetivo a orientação sobre a prevenção e os cuidados em relação ao câncer de pele. 

A doença é a mais comum no Brasil e, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer, INCA, a estimativa somente para 2020 é de 176.930 novos casos entre homens e mulheres.

O excesso de exposição solar é um dos principais fatores de risco e, como o nível de radiação aumenta no verão, a iniciativa da SBD surgiu como forma de alerta, principalmente nesses dias mais quentes que combinam com praia e piscina. 

Continue a leitura e saiba mais sobre a doença e suas formas de prevenção!

Quais são os tipos de câncer de pele?

De acordo com o INCA, o câncer de pele representa em média 30% de todos os tumores malignos registrados no Brasil. 

Ele se divide em dois tipos, que são:

Não melanoma

O não melanoma é o mais comum e o que apresenta uma menor taxa de mortalidade. 

No entanto, quando não diagnosticado no início e tratado adequadamente, pode trazer consequências graves para o paciente. 

Geralmente ele ocorre em pessoas com idade acima dos 40 anos, porém, o número de casos entre jovens vem aumentando. 

Os fatores de risco são:

  • exposição solar em excesso, 
  • ter pele clara,
  • ter uma doença cutânea,
  • possuir histórico familiar. 

Na maioria das vezes, ele surge nas áreas que foram mais expostas ao Sol, como rosto, pescoço, colo e orelhas.

Seus sintomas são manchas que podem coçar, arder, descamar ou sangrar e feridas que não cicatrizam por até 28 dias.

Melanoma

O câncer de pele melanoma é o tipo mais grave porque apresenta uma maior possibilidade de manifestar metástase. 

Seus fatores de risco envolvem a exposição excessiva aos raios solares, ter pele clara, histórico familiar e o uso de câmeras de bronzeamento artificial. 

Ele pode surgir em qualquer parte do corpo, na pele normal ou em lesão pigmentada. 

Na normal, a doença geralmente se manifesta através de uma pinta escura de bordas irregulares, que pode coçar e descamar. 

No caso de já existir uma lesão pigmentada ocorre o aumento do tamanho dela, bem como alteração na cor.

Por ser mais grave pode trazer maiores consequências físicas e emocionais, entre elas a depressão no paciente. 

Como prevenir o câncer de pele?

Os cuidados devem ser seguidos por todas as idades, desde crianças até os idosos.

São eles:

Aposte na proteção solar

A maioria dos cânceres de pele está associada à exposição excessiva ao Sol, por isso, mesmo que seja para uma caminhada diária, use protetor solar. 

Ele serve como uma barreira protetora dos raios solares. 

Além disso, evite o Sol entre as 9h e 15h e use chapéus e óculos que também ajudam na proteção. 

Diminua a ingestão de álcool

Diminuir a ingestão de álcool também é uma forma de prevenir o câncer de pele.

De acordo com um estudo publicado no British Journal of Dermatology, a ingestão de bebidas como vinho e cervejas aumentam os riscos da doença, principalmente o não melanoma. 

Cuide de você! 

Hábitos saudáveis de vida contribuem para a saúde física e mental, por isso, são alternativas eficazes de prevenção contra todas as doenças.

Algumas formas de cuidar de você são:

  • alimente-se bem e de forma saudável,
  • beba bastante água,
  • curta o Sol com moderação,
  • pratique uma atividade física,
  • busque formas de relaxar praticando meditação, ioga, Tai Chi Chuan,
  • estimule seu cérebro,
  • faça atividades que dê prazer.

Agora que você sabe um pouco mais sobre o câncer de pele e como preveni-lo, que tal compartilhar esse post com seus amigos para que eles também tenham essa informação?


Home Care