Telefone (11) 3875-1424 | contato@masternursing.com.br

Saúde bucal na terceira idade: como cuidar?

Saúde bucal na terceira idade: como cuidar?

Com o passar dos anos é normal perceber uma certa fragilidade nos dentes e o aumento do mau hálito, por isso, a saúde bucal na terceira idade precisa de atenção especial.

À medida que a idade passa vai ocorrendo um desgaste natural do dente, ele vai ficando mais escuro e alguns problemas podem surgir se não forem cuidados e tratados adequadamente.

O que acontece é que, muitas vezes, a falta de informação por parte do idoso e a impossibilidade de cuidados acarretam doenças bucais que podem levar à perda dentária ou ainda infecções de risco.

Por isso, hoje vamos dar algumas dicas de como cuidar da saúde bucal na terceira idade. Confira!

Quais são as doenças bucais mais comuns em idosos?

De acordo com o Portal da Colgate, marca especializada em produtos de higiene bucal, as cáries e problemas na raiz são mais comum na velhice.

Além disso, nessa fase da vida também pode agravar doenças como:

  • sensibilidade: causada pelo desgaste do esmalte, provoca dores ao contato com alimentos quentes, frios ou ácidos,
  • periodontite: inflamação que deixa a gengiva vermelha, inchada e sensível,
  • gengivite: caracterizada pela retração das gengivas.

É importante frisar que a periodontite é a doença bucal que mais causa a perda dos dentes em adultos e a sua causa pode estar relacionada com a higiene inadequada, nutrição deficiente, diabetes, leucemia ou AIDS.

Como cuidar da saúde bucal na terceira idade?

A maioria dos problemas de saúde bucal na terceira idade pode ser evitados com pequenos cuidados:

Visitas ao dentista

As visitas ao dentista de forma regular devem fazer parte da vida de todos, desde crianças até os idosos.

Apenas esse profissional poderá identificar doenças nos dentes e boca, e realizar procedimentos para trazer mais qualidade de vida, como é o caso da remoção de cáries e tártaro.

Além disso, o dentista também pode iniciar um processo de substituição de dentes perdidos com a colocação de dentaduras ou implantes que melhoram a mastigação e trazem mais conforto para os idosos.

Higienização

A higiene inadequada é a responsável pelo mau hálito e também pode ser a causadora da periodontite e da gengivite, entre outros problemas de saúde bucal na terceira idade. 

Aqui preciso abrir um parêntese para dizer que muitos idosos, por problemas de coordenação e até mesmo por limitação física, não conseguem fazer a devida higiene bucal e eles precisam que alguém faça isso para eles.

Como regra geral:

1 – Os dentes devem ser escovados, de forma suave, três vezes ao dia. 

2 – Deve ser usada uma escova com cerdas macias e um creme que contenha flúor.

3 – O fio dental deve ser usado diariamente.

4 – Os movimentos sempre devem ser suaves no sentido da gengiva para o dente e a língua também deve ser escovada.

5 – Após a escovação, o ideal é usar um enxaguante suave com a devida orientação do dentista.

Em caso de prótese, ela também deve receber uma escovação adequada.

A dentadura ou a ponte móvel, por exemplo, deve ser retirada da boca para uma completa escovação. 

Nesse caso, a boca e a língua devem ser higienizadas normalmente.

Para limpeza das demais próteses deve ser seguidas as orientações do dentista.

Alimentação

A alimentação também tem grande impacto na saúde bucal na terceira idade. 

Alguns nutrientes conseguem fortalecer os dentes e o seu esmalte, o que evita inflamações ou cáries.

Entre os principais estão os que são ricos em cálcio, como o leite e seus derivados.

Além disso, também é importante comer alimentos crus e mais consistentes que ajudam a exercitar a mastigação e fortalecer os músculos da boca.

Outra dica é evitar o consumo de açúcar que deixa os dentes mais vulneráveis para cáries.Agora que você já sabe mais sobre a saúde bucal na terceira idade, que tal continuar a leitura e conferir 4 benefícios do banho de Sol na terceira idade?


Home Care