Telefone (11) 3875-1424 | contato@masternursing.com.br

Coronavírus: como cuidar dos idosos?

Coronavírus: como cuidar dos idosos?

Os idosos estão entre as pessoas que fazem parte do grupo de risco da COVID-19, doença causada pelo coronavírus.

Nesse momento, mais que nunca, é preciso redobrar os cuidados com as pessoas de terceira idade e dedicar mais atenção a elas.

Nesse post vamos dar algumas dicas de como cuidar dos idosos para protegê-los do coronavírus e para que eles se sintam mais seguros. Confira!

O que é coronavírus?

Coronavírus são membros de uma família viral chamada Cov. Eles estão entre nós há muito tempo e geralmente causam infecções respiratórias nas pessoas. 

No entanto, em dezembro de 2019, essa família ganhou mais um integrante o SARS-CoV-2 que surgiu na China e está se disseminando pelo mundo, gerando uma pandemia. 

Esse coronavírus causa a doença chamada COVID-19 que já matou mais de 13 mil pessoas ao redor do mundo.

A transmissão pode acontecer de uma pessoa infectada para outra por meio da fala, tosse ou espirro, ou através do contato direto com gotículas contaminadas que podem se alojar em vários objetos, como copos e maçanetas e ao entrar em contato com as mãos e aproximá-las da boca, olhos ou nariz, o contágio ocorre.

Os sintomas mais comuns da COVID-19 incluem:

  • febre, 
  • cansaço,
  • tosse seca. 

Em alguns casos de coronavírus a pessoa infectada apresentou dores, congestão nasal, coriza e dor de garganta. 

A maioria das pessoas se recupera da COVID-19, mas, ela pode ser altamente grave para os idosos, os cardíacos, diabéticos e para quem sofre de doenças crônicas respiratórias e também insuficiência renal. 

Por isso, o alerta é para evitar o contato social para que não se coloque esse grupo em risco. 

Como cuidar dos idosos durante essa pandemia?

Os cuidados precisam ser redobrados com esse grupo de risco, visto que naturalmente já possuem uma saúde mais frágil e que demanda maior atenção. As principais medidas de prevenção para assegurar a saúde dos idosos são: 

Quarentena

Grande parte do país já está em quarentena ou entrará ainda essa semana, como o estado de São Paulo.

Durante este período, é fundamental que o idoso não se sinta isolado, utilizando as tecnologias para falar com seus parentes e amigos.

Seja através de uma mensagem no WhatsApp ou chamada de vídeo, deve-se buscar manter contato com o idoso.

Caso seja possível, o ideal é que o idoso permaneça acompanhado com um responsável, sendo ele familiar ou não.

Higiene

Assim como recomendado para todos, a higiene pessoal deve ser reforçada em idosos.

Isso inclui lavar as mãos de forma correta com sabonete sempre que voltar da rua e evitar, ao máximo, passar a mão no rosto.

É importante também criar o costume de lavar as mãos antes e depois das refeições, reforçando a proteção contra o vírus.

Aposte ainda em álcool em gel 70%, que não pode ser substituído nem por vinagre e nem por álcool de posto, como muitas mensagens falsas que andam circulando.

Alimentação saudável

Assim como qualquer doença, o coronavírus afeta mais as pessoas que tem um sistema imunológico debilitado, o que é comum em idosos desnutridos.

A imunidade pode ser reforçada através de uma dieta balanceada, com muitos nutrientes, vitaminas e proteínas.

Por isso, invista na alimentação saudável do idoso, buscando fortalecer seus mecanismos de defesa e diminuindo a possibilidade de adoecimento.

Permaneça calmo!

As notícias podem causar um certo alarme na população e muitas pessoas estão ficando nervosas, sem saber como lidar com essa situação. Por isso, é fundamental permanecer calmo durante todo o processo.

Se o idoso apresentar alguns dos sintomas citados acima, deve-se entrar em contato por telefone com o órgão responsável mais próximo. Esta consulta deve ocorrer pelo aplicativo oficial Coronavírus – SUS.

Além disso, recomenda-se que as pessoas permaneçam calmas, sem alardear o idoso.

Vale ressaltar que não é recomendado ir para hospitais ou emergências ao apresentar os sintomas, apenas ligar e seguir as orientações recebidas.

Agora que você já sabe quais são os cuidados com os idosos relacionados ao coronavírus, que tal compartilhar essas informações com outras pessoas que podem precisar?


Home Care